Pesquisar na revista

» busca avancada
Página inicial
Editorial Artigos Autores Volume 12 - n° 2 Volume 12 - n° 1 Volume 11 - n° 2 Volume 11 - n° 1 Volume 10 - n° 2 Volume 10 - n° 1 Volume 9 - n° 2 Volume 9 - n° 1 Volume 8 - n° 2 Volume 8 - n° 1 Volume 7 - n° 2 Volume 7 - n° 1 Volume 6 - n° 1 Volume 5 - n° 1 Volume 4 - n° 1 Volume 3 - n° 2 Volume 3 - n° 1
Usuários Cadastrados
CPF:
Senha:
» lembrete

ANÁLISE INFORMETRICA DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL BRASILEIRA

INFORMETRICS ANALYSIS OF THE BRAZILIAN CONSTITUTION
Francisca Mary Magalhães de Alcantara, Egon Wildauer, Helena de Fátima Nunes Silva, Frank Coelho de Alcantara

Baixar artigo na íntegra:   baixar arquivo PDF arquivo PDF
baixar arquivo ZIP arquivo ZIP

RESUMO: Pesquisa exploratória de caráter metodológico utilizando-se da análise informétrica do texto da Constituição Federal Brasileira, promulgada em 1988. Apresenta um levantamento estatístico das palavras integrantes do texto constitucional do Brasil, testa algoritmos de seleção de palavras comuns do idioma português como falado no Brasil e avalia os resultados segundo a Lei de Zipf. Apresenta o rol de frases e palavras com suas respectivas frequências, indicando a existência de um grande número de palavras nas zonas de ruído e trivialidade. Conclui apresentando a falta de abrangência das listas de palavras comuns, disponíveis em estudos científicos anteriores, e apresenta uma comparação entre palavras com frequências diferentes permitindo a avaliação semântica da Constituição Federal Brasileira em relação à distribuição das palavras utilizadas no texto.
ABSTRACT: Exploratory methodological one using the informétrica text analysis of the Brazilian Federal Constitution, promulgated in 1988. Presents a statistical summary of words contained in the Brazil s Constitution text, test selection algorithms for common words of the Portuguese language as spoken in Brazil and evaluates the results according to Zipf s Law. Features the list of words and phrases with their respective frequencies, indicating the existence of a large number of words in the areas of noise and triviality.It concludes presenting the lack of coverage of the lists of common words, available in previous scientific studies, and presents a comparison between words with different frequencies allowing semantic evaluation of the Brazilian Constitution against frequency distribution of words used in the text.
PALAVRAS-CHAVE: Constituição Federal; informetria; Lei de Zipf; Análise Semântica Latente; Frequência de Palavras.
KEYWORDS: Federal Constitution; Informetrics; Zipfs Law; Latent Semantic Analysis; Words Frequency.

» Dados dos autores

Faculdades FACET - Revista Gestão e Conhecimento | volume 8 - número 1
Licença Creative Commons
Revista Gestão e Conhecimento da FACET Faculdades está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição- CompartilhaIgual 4.0 Internacional
.
Baseado no trabalho disponível em http://gc.facet.br/index.php.