Pesquisar na revista

» busca avancada
Página inicial
Editorial Artigos Autores Volume 12 - n° 1 Volume 11 - n° 2 Volume 11 - n° 1 Volume 10 - n° 2 Volume 10 - n° 1 Volume 9 - n° 2 Volume 9 - n° 1 Volume 8 - n° 2 Volume 8 - n° 1 Volume 7 - n° 2 Volume 7 - n° 1 Volume 6 - n° 1 Volume 5 - n° 1 Volume 4 - n° 1 Volume 3 - n° 2 Volume 3 - n° 1
Usuários Cadastrados
CPF:
Senha:
» lembrete

PERFIL DE MULHERES EMPREENDEDORAS: UM ESTUDO A PARTIR DA TEORIA DE MINER.

PROFILE OF WOMEN ENTREPRENEURS: A STUDY FROM THE THEORY OF MINER.
Jandir Pauli, Julia Cardozo dos Santos

Baixar artigo na íntegra:   baixar arquivo PDF arquivo PDF
baixar arquivo ZIP arquivo ZIP

RESUMO: O objetivo deste trabalho é avaliar a presença de perfil empreendedor em mulheres proprietárias de empresas de micro e pequeno porte. Para isso foi realizada uma pesquisa empírica de enfoque quantitativo com 50 empresárias nos segmentos serviços e comércio na região norte do RS. A base teórica que orientou a coleta e sistematização dos dados foi a teoria de John Miner (1996) que distingue cinco tipos distintos de perfil empreendedor: o “realizador”, o “supervendedor”, o “autêntico gerente”, o “gerador de ideias” e o “complexo”. Os resultados apontam que a ampla maioria das mulheres (98%) apresenta traços do perfil Complexo, permitindo concluir que estas empresárias apresentam um perfil empreendedor, uma vez que Miner nomeia este perfil como mais apto para empreender em setores diferenciados de uma empresa. Em outros termos, o empresário empreendedor é considerado complexo porque quando este apresenta estilos múltiplos consegue executar atividades nos vários estágios de crescimento da empresa, podendo ampliar seus controles e ao mesmo tempo delegar tarefas a terceiros. Tendo um perfil mais completo, têm discernimento para buscar soluções diante de dificuldades.
ABSTRACT: The aim of this study is to evaluate the presence of entrepreneurial women in proprietary micro and small businesses. For it was made an empirical study of quantitative approach with 50 entrepreneurs in the services and trade sectors in the north of Rio Grande do Sul. The theoretical basis that guided the collection and systematization of data was the theory of John Miner (1996) that distinguishes five different types of entrepreneurial profile: the "director", the "super-salesman", the "real manager", the "idea generator" and "complex". The results show that the vast majority of women (98%) show traces of complex profile, allowing to conclude that these entrepreneurs have an entrepreneurial profile, since Miner names this profile as the fittest to undertake in different sectors of a company. In other words, the entrepreneur entrepreneur is considered complex because when it has multiple styles can perform activities in various stages of growth of the company which may extend their control while delegating tasks to others. Having a more complete profile, have discretion to seek solutions when faced with difficulties.
PALAVRAS-CHAVE: Empreendedorismo feminino, Teoria de Miner, Perfil empreendedor.
KEYWORDS: Women entrepreneurs, Theory Miner, Entrepreneurial profile.

» Dados dos autores

Faculdades FACET - Revista Gestão e Conhecimento | volume 9 - número 1
Licença Creative Commons
Revista Gestão e Conhecimento da FACET Faculdades está licenciado com uma Licença
Creative Commons - Atribuição- CompartilhaIgual 4.0 Internacional
.
Baseado no trabalho disponível em http://gc.facet.br/index.php.